diferenças

 

s

 

Barak Obama está a terminar o seu mandato como presidente dos Estados Unidos da América e Donald Trump está prestes a entrar na vida dos americanos e na dinâmica deste planeta.

As diferenças entre ambas as personalidades são notórias, como serão marcantes as diferenças nas suas políticas, o que depressa iremos perceber.

Neste post, vou apenas centrar-me na forma de estar de ambos, baseando-me nas imagens e palavras percepcionadas através dos meios de comunicação.

Do ainda presidente, retenho o porte, a classe, a cordialidade, a dignidade, a belíssima voz e dicção, e ainda um sorriso muito espontâneo e natural. Retenho igualmente a imagem de um espírito conciliador e de alguém que soube impor respeito de uma forma elegante, inteligente, humana e com humor.

Do futuro presidente, a imagem que tenho nesta fase não é nada agradável. Inclui rudeza, falta de classe, uma linguagem sem nível, uma dicção sem clareza e alguma agressividade nas palavras e nos gestos. Mais grave ainda, é a percepção de estarmos perante um espírito demagogo, desagregador, instável e muito pouco respeitador das diferenças e do gênero feminino.

Donald Trump toma posse na próxima sexta-feira, dia 20 de Janeiro de 2017. Se eu fosse um cidadão norte-americano sentir-me-ia neste momento muito triste e frustrado. Sentiria que estava a regredir, a voltar para trás…e ninguém gosta desse sentir, especialmente por imposição e em resultado de um sistema eleitoral sem sentido.

Não sou norte-americana, mas sinto-me tão incomodada como se o fosse.

 

(Imagens retiradas de:    https://plus.google.com/+BarackObama    e  de     http://www.slate.com/articles/news_and_politics/politics/2016/01/the_gop_is_learning_to_love_donald_trump.html)

 

Advertisements

2 thoughts on “diferenças

  1. Pegando nas tuas últimas palavras… não sou americano mas senti-me incomodado como se fosse com o discurso que acabei de ver e ouvir em directo na net. Parámos todos na sala e todos ficámos incrédulos… demagogia, populismo, nacionalismo,…salvador da pátria…parece que a história mundial recente não fez parte das leituras deste senhor.
    Os meus colegas saíram e foram para casa, e eu fiquei para aqui a olhar para o computador com aquele olhar distante e vazio sem saber bem o que estava a fazer e sem ideias. Só escrevi estas linhas e também vou-me embora. Vou fechar a porta.

    Like

    1. Exprimes bem esse incómodo nas palavras que escreveste. Pessoalmente, ouvi alguns excertos em diferido e isso bastou-me. Na prática, ele foi uma “bela” continuação da campanha eleitoral… e de uma evidente falta de estilo a todo o nível!
      Agradeço o teu comentário!

      Like

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s