uma imagem…

Todas as imagens contêm uma mensagem, por mais simples que seja. Outras, pelo contrário dizem-nos imenso, mesmo que num primeiro olhar impere a simplicidade.

Na imagem acima é intenso o confronto entre a máquina e o homem, seja pela forma seja no seu conteúdo…

…a modernidade do paquete vs. a simplicidade da canoa

…o grande vs. o pequeno

…o objectivo colectivo vs. o objectivo individual

…o dinamismo vs. a tranquilidade

…o força de um motor vs. a força braçal

…a confusão vs. o silêncio

…a poluição vs. o ecológico

Assim como nos meandros de um rio – neste caso do Tejo prestes a chegar à sua foz – também nos caminhos da existência humana a Vida acontece e avança gerindo confrontos, contrastes, objectivos e dinâmicas diferenciadas, adaptações constantes, lutas, modos de agir distintos, confusões ensurdecedoras, solidões, modos de estar “poluentes”, etc, etc,.

Em qualquer circunstância, a Vida simplesmente continua.

o passeio

Para nós foi um agradável passeio de domingo pela bonita vila de Alenquer; para eles, provavelmente um passeio de todos os dias pelo rio com o mesmo nome que atravessa a povoação.

Gosto da tranquilidade que emana desta imagem, tal como gosto dos contrastes que envolve. Por um lado, por se tratarem de espécies muito diferentes; e por outro, pelo facto de um elemento revelar a pose e a calma de um adulto e o outro, a energia, a curiosidade e o ímpeto característicos da infância.

Creio que se equilibram mutuamente. E isso sempre seduz qualquer olhar!

(Alenquer, Lisboa, 17 Abril 2011)