23 thoughts on “dúvida

    1. Certo, nunca deixar de sonhar!
      Mas também termos discernimento para perceber que alguns sonhos já não vão chegar à meta e só tiram a energia a outros ainda possíveis.
      O que nem sempre é fácil de discernir… verdade seja dita…
      Grata pela presença!

      Like

      1. Sim. Alguns são difíceis, e às vezes, insistimos e insistimos até ficarmos “doentes” quando era tão mais fácil seguirmos outro caminho. Mas se não fosse assim não aprenderíamos a distinguir o sonho da insistência, aprender a lição.

        Like

      2. É verdade.
        E por vezes é relativamente mais fácil quando as aprendizagens são feitas “à bruta”!! Aí é mais rápido perceber que o sonho é mesmo sonho e não vale a pena insistir mais…
        Complexo…
        Desejo um excelente dia!

        Like

    1. Para mim, entre a vida e o sonho não há trocas, mas sim compromissos…ou não será este caminho que trilhamos, a vida, uma incessante tentativa de concretizar sonhos?
      Enfim, assunto vasto…
      Grata por comentar!

      Like

      1. Eu não acho que no sonho a gente treina o que sabe…eu acho que a gente treina/insiste no que não sabe e gostaria de saber/alcançar. E que são as condicionantes da vida, que não deixam que tudo se expresse…
        Enfim… acho que nesta matéria estamos um pouco em contra-mão!!!
        Mas a diversidade humana é maravilhosa!
        Desejo um belo dia!

        Like

  1. A vida é uma realidade onde estamos em constante aprendizagem… mas sem nunca perder a ilusão, cabe-nos tentar dosear e muitas vezes, ainda que cuidadosamente, é preciso ” entrar em contra-mão”!
    Parabéns Dulce pela discreta dúvida!

    Like

    1. Creio que a ilusão/sonho é o “adubo” da vida. Dá-lhe vitalidade, mas também pode dar desesperança, quando em excesso.
      Mas concordo que esse “entrar cuidadosamente em contra-mão”, como a Fernanda tão bem refere, ao causar “atrito”, cria movimento e quiçá, talvez alguma “luz”…
      Assunto infinito… como qualquer dúvida!
      Grata por estar presente e comentar!

      Like

    1. Pensando um pouco…acho que nem uma coisa nem outra….
      Parece-me que o melhor não será defini-las, mas sermos capazes de as “ensinar” a caminhar perto uma da outra, o que nem sempre é fácil (daí este poema…)
      Teoricamente, a ilusão/sonho trazem alguma magia à vida….e a vida “puxa” a ilusão/sonho para a realidade…
      Perante estas premissas….se calhar cada uma é o que é! Ou não…
      Obrigada por questionar a minha dúvida!

      Liked by 1 person

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s